Resenha: 50 Tons mais escuros – E.L. James

sexta-feira, dezembro 07, 2012 38 Comments A+ a-









ATENÇÃO: Esse é o segundo livro da Trilogia “50 tons de cinza” e pode conter spoilers sobre o primeiro volume. Para ler a resenha do primeiro livro da trilogia clique aqui.


Faz quatro dias que Anastasia pôs fim ao seu relacionamento com o sombrio e enigmático Christian Grey. Na ocasião ela havia se assustado ao perceber até onde ia o sadismo do amante, e se deu conta de que jamais conseguiria fazer aquilo, nem mesmo por ele.

Acontece que, embora a mente racional de Ana saiba que essa foi sua melhor decisão, seu corpo e seu coração estão morrendo de saudade do bilionário bonitão. Isso faz com que a mocinha haja de forma autodestrutiva, não se alimentando ou dormindo por longos quatro dias.
Porém tudo isso muda quando ela recebe um email de Christian, perguntando se ela precisaria de uma carona para um evento que eles haviam combinado de ir juntos, antes de se separarem. Ana aceita e, só de saber que vai ver Christian novamente, recomeça a viver.
Um dos aspectos positivos de ’50 tons mais escuros’ é que vemos uma pequena evolução na escrita da autora. Se, em 50 tons de cinza, a escrita de E.L. James poderia ser considerada muito ruim, agora está só ruim. Percebe-se que o uso de algumas expressões é diminuído nesse segundo volume, o que torna melhora a leitura.
Por ter gostado do primeiro livro e quase ter ido a loucura com aquele final, tinha altas expectativas com ’50 tons mais escuros’. Para começar queria saber se Christian iria conseguir superar seus traumas para, enfim, criar um relacionamento verdadeiro com Ana. Depois, havia a curiosidade para conhecer mais detalhes do passado desse homem, por que ele havia se tornado tão arisco ao toque das pessoas e tão fechado para relacionamento. Por ultimo, ainda tinha aquela curiosidade por saber se Ana se renderia ao lado obscuro de sua própria sexualidade ou se continuaria afirmando que fazia tudo aquilo por ele.
No fundo eu sabia que não poderia acontecer tudo isso logo no segundo livro, afinal, é uma trilogia, mas essas eram minhas expectativas quando comecei.

Meu primeiro choque foi a mudança de Christian: Em quatro dias Grey passou de bilionário esquivo que foge de relacionamentos, para um cara completamente apaixonado e entregue, que está disposto a tudo para ficar com Anastasia... Até mesmo abrir mão de seu lado sádico. Uma parte de Ana fica um pouco decepcionada, mas ela também fica feliz por conseguir tirar o seu “50 tons” da escuridão e traze-lo para a luz dos relacionamentos baunilha.  


Então o livro prossegue e, por conta de uma perseguição implacável de uma ex-namorada maluca, Ana aceita morar com Christian por um tempo. Para a segurança dela, ele também coloca seguranças grandalhões próximos a ela enquanto vai ao trabalho e faz com que ela prometa informa-lo sobre todos os passos que der.
Falar sobre o trabalho de Ana me fez lembrar de seu chefe, Jack Hide. Quando vi o nome desse personagem sabia, com todas as minhas forças que ele teria algum papel importante na trama.  A semelhança do nome Jack Hide com o personagem de “O médico e o monstro” (Dr. Jekyll, que também era Mr. Hyde) é tão óbvia que não há como não sacar que esse personagem terá uma personalidade oculta.
Dito e feito. Sem spoilers sobre o assunto, mas a cena em que o sr. Hide mostra o seu verdadeiro caráter é meio inverossímil, como se ele estivesse se tornado um monstro mesmo.

Infelizmente não é a única coisa inverossímil e fraca do livro. Se você, assim como eu, se preparava para descobrir mais segredos obscuros do senhor Grey, prepare-se para se decepcionar. Nosso mocinho conta um pouco mais sobre o seu passado e, realmente, ele passou por muita coisa barra pesada antes dos 4 anos. Mas, será esse um motivo válido para que ele não suporte que o toquem até hoje? Não, nem um pouco. Foi ai que comecei a me perguntar se todos esses psicólogos e psiquiatras que Christian frequentou quando era pequeno eram todos uns incompetentes ou se era a autora que não soube justificar bem esse aspecto do seu personagem.
Daí, quando eu pensei que a parte dos segredos não poderia ficar pior, vem o segredo mais obscuro do senhor Grey, o mais terrível, aquele que ele teme que fará Ana se afastar dele para sempre.

Suspense, música dramática, esquilo dramático. Christian conta o segredo e... Era isso? A cena foi tão rápida e mal escrita que fiquei sem entender os detalhes, mas, se foi isso mesmo o que eu entendi, acho que o nosso personagem masculino andou lendo livros Freudianos demais.

Minha expressão quando li sobre o 'super' segredo de Christian Grey. 
Enfim, o livro foi passando e meu incomodo foi crescendo. Tudo era muito raso, muito frágil no argumento da autora. Isso sem contar a própria Anastasia que, novamente, pensava uma coisa quando estava longe dele e fazia outra quando estava perto. Numa página acha que eles tem que ir devagar, na outra já está morando com ele. Diz que não gosta de BDSM mas faz provocações sobre o assunto em vários momentos da trama.
 Imagine situações como essa em loop infinito e saberá como foi o comportamento de Anastasia nesse livro. Em alguns momentos senti alguma iniciativa da heroína mas, infelizmente, Ana não conseguiu sair do medíocre e patético durante todo o livro.
Eu até teria aturado esses personagens malucos como mocinhos se o livro tivesse uma trama interessante. Porém, se no primeiro livro, a trama principal era o contrato que Ana teria que assinar e os mistérios do sr. Grey no segundo livro não há trama nenhuma.  É simplesmente o cotidiano desse casal problemático que alterna brigas e discussões a cenas de sexo e declarações de amor e posse. A autora tenta provocar algumas reviravoltas, mas tudo se resolve magicamente na próxima cena, em poucas linhas.

Sinceramente, analisando todo o livro, não há nada (repito, NADA) que justifique metade das 485 páginas de “50 tons mais escuros”. Nem mesmo as cenas de sexo empolgam: Tirando a cena do “baile de mascaras” achei o restante muito tedioso e não por não terem BDSM  mas por que autora não conseguiu me convencer da tensão sexual existente entre os personagens nesse segundo livro, como ocorreu no primeiro.
Falando em BDSM, se no primeiro livro eu não consegui perceber essa visão preconceituosa da autora sobre o tema, no segundo esta foi escancarada: E.L. James chega ao ponto de transformar em vilã a única personagem que assume gostar desse estilo de vida, em mais uma cena pouco crível e desnecessária do livro.



Por isso, rebatizei o titulo de livro de “50 tons mais escuros” para “50 tons de decepção”. Por que foi decepcionante perceber que o bilionário misterioso outrora conhecido como sr. Grey não é nada mais do que um pirralho mimado e carente*. Decepcionante ver a mocinha ter momentos de lucidez para logo em seguida cair no choro ou esquecer tudo em nome da paixão.

 É decepção por ver uma autora tão preconceituosa ser considerada uma libertadora da sexualidade feminina. E ver uma série que parecia ter tanto potencial entrar pelo ralo. 
Dou nota 6,5 não gostei do livro mas o meio ponto vai para os momentos de sobrevida, quando achei que a história poderia entrar nos eixos (só para me decepcionar novamente depois) e também para a cena do baile de mascaras, que realmente é muito boa. 

Sobre o terceiro e ultimo livro da Trilogia, “50 tons de liberdade”: Podem ter certeza de que lerei sim, nem que seja para saber o que diabos a autora vai colocar em um terceiro livro (mais perseguição sem sentido, pelo o que eu entendi). Mas vai demorar um pouco: no momento não sinto a mínima vontade de comprar/ler esse ultimo livro.

* Uma das maiores exemplos dessa mudança pela qual Christian Grey passa é a forma como Ana se refere a ele: No primeiro livro era “Sr. Grey” e, no segundo, é apenas Christian.

Veja também a página do livro no Skoob.

Você já leu algum livro dessa Trilogia? O que achou? Comente!

"My work always tried to unite the true with the beautiful; but when I had to choose one or the other, I usually chose the beautiful." -- Hermann Weyl Miss Carbono que é o numero 6 na tabela periodica

38 comentários

Write comentários
7 de dezembro de 2012 13:20 delete

Parabéns pela resenha! Estou lendo Cinquenta Tons de Cinza e odiando. Achei o livro muito mal escrito e repleto de diálogos exagerados. No entanto, ainda pretendo ler Cinquenta Tons Mais Escuros e Cinquenta Tons de Liberdade. Beijo!

Reply
avatar
Babi Lorentz
AUTHOR
7 de dezembro de 2012 15:07 delete

Bom, eu gosto bastante da trilogia. Entendo o que diz, mas não concordo porque eu simplesmente leio para me entreter. Não procuro entender todas as coisas e... Enfim. Leio para me divertir, e como diversão o livro serve.
Beijos.

Reply
avatar
Gih Carter
AUTHOR
29 de dezembro de 2012 15:33 delete

Nossa, eu não poderia discordar mais, eu li toda a trilogia, e amei cada pequeno momento, sim a escrita não é perfeita, mas a história e fantástica, profunda, sem a enrolação de um não saber o que o outro sente, eles são reais, sentem o que dizem e dizem o que sente, coisa que falta na maioria dos livros de romance.

E sim eu acho que o fato dele ter passado vários dias com a mãe morta e passado por tudo é um motivo de trauma bastante bom.

Mas cada um enxerga de um jeito!!!

Kisses

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
3 de janeiro de 2013 08:28 delete

Estou lendo o livro e devo dizer nn vejo nada de errado o problema de vcs é inveja u.u' Isso daa nojo [â] e outra recomendo o livro para todos, é um ótimo livro qq. se trata de um romance entre uma garota frágil e apaixona e um homem dominador e orgulhoso u_____ú O que leva a história ficar mas emocionante !'

Reply
avatar
10 de janeiro de 2013 03:42 delete

Eu estou amando o livro.Seu contexto,sua história,seu trama.Mas tenho que concordar com um ponto sobre o 50 tons mais escuros.De fato achei que o livro foi nada mais que uma narrativa do cotidiano do casal. Quando achei que o segredo,seria o segredo fiquei um pouco decepcionado, pois estava praticamente explicito sobre seu sadismo.Claro que a revelação de uma infância conturbada e cheia de traumas nos faz entender um pouco mais o Mr. Grey,mas o sadismo,ainda que implantado nele,era dele.Então concordo com a resenha neste ponto.Quanto ao demais,achei o romance ótimo.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
14 de janeiro de 2013 15:56 delete

Parabéns pela resenha, apesar de eu discordar em alguns pontos.
Eu tô adorando o livro, estou lendo 50 Tons Mais Escuros e já tô no final, e estou gostando bastante, apesar de concordar com o fato de "não ter trama"...acho que a autora tentou fazer com que Leila fosse a vilã e um problema para o casal, mas ela acaba sendo mais frágil e, digamos, uma espécie de "vítima" na trama. E o que achei fraco também foi o segrego de Grey, não sei eu estava esperando algo "ÁHHHH", mas fiquei exatamente com a expressão do Robert na foto, me surpreendi mais com o pedido de casamento do Christian do que com o segredo, não imaginava que ele a pediria, mas achei tão lindo quando ela dá a resposta (desculpa pelo spoiler pra quem não leu! kk). Enfim, apesar dessas coisas e de o livro não ter nenhuma trama, eu tô amando o livro, o romance e tudo mais! Sei que não é um dos melhores livros do mundo, mas não entendo o porquê de tanta crítica.
#Recomendo!!
Beijoos

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
14 de janeiro de 2013 18:32 delete

Bom...eu entendo que livro é algo para entretenimento, e como tal eu adorei o primeiro, estou no segundo e louca para ir para o terceiro...é um livro de romance e não uma obra literária né galera...vamos combinar!?!?!Me indentifiquei mto com a história em alguns aspectos...me apaixonei por Christian...rico, lindo e fode com foça...ah, quer mais????eu não quero...isso me basta!!!kkkkkkkk...mas na boa gente, o livro é bom...é uma história que prende mto...não é tanto que o dono da resenha msmo odiando, detestando e não suportando tá lendo a trilogia...se fosse ruim como ele fala, ele não perderia o tempo dele lendo e mto menos escrevendo esse monte de bobeira que escreveu...tirando o ânimo de quem tá louco pra ler!!!Vc não tem o direito de fazer isso...deixe que as pessoas leiam e tirem suas conclusões!!!

Reply
avatar
Alma real
AUTHOR
19 de janeiro de 2013 20:09 delete

kkkkk engraçado... a pessoa não gostou da trilogia e incrivelmente continuou lendo... kkktalvez a pessoa etivesse com vontade de escrever um livro com um pouco mais de "sacanagem" e fazer sucesso tambem... eu gostei dos livros, e se fosse assim tão decepcionante tão teria tantos leitores. ^^

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
21 de janeiro de 2013 06:34 delete

oolá...
Bem eu li 50 tons de cinza, e acho que ele deixou um pouco a desejar.
Agora estou começando a ler 50 tons mais escuros, e esto achando muuitoo melhor do que o primeiro.
Até agora estou gostando.
Espero nao me decepcionar.
bejoos

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
22 de janeiro de 2013 05:54 delete

Escreve o seu!!!

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
23 de janeiro de 2013 12:48 delete

Bom, ainda estou lendo o "50 tons de cinza", no começo foi super viciante, mais agora que estou lendo as últimas páginas, começo a proucurar um fundamento pra essa história.
O livro tem sim uma história interessante, por isso desconsidero essa resenha. A escrita realmete o torna cansativo, principalmente nas senas de sexo, que todas "rodavam" em torno de um mesmo contexto, por isso "às vezes" pulava algumas partes. Acho que a hirtória poderia ser mais emocionante se José aparecesse mais ( minha opinião!). Às melhos partes se tornavam as dos e-mails, pelo fato de Ana se mais sincera, e ficar aflita esperando a resposta de Gray, acho que ela deveria ser mais sincera.
Resumindo, o livro não é tão ruim quanto falam, tá bom que a escrita deveria melhorar bastante, mas mesmo assim a história é enteressante, e ainda pretendo terminar a triologia.
No fundo, no fundo, Christian é capaz de encantar qualquer mulher, a tornar qualquer uma subimissa.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
29 de janeiro de 2013 16:13 delete

Bom eu estou lendo a triologia e por enquanto estou amando os livros
acho um otimo livro pra quem deseja dar uma aninada no seu casamento,sei disso porque sou casada ,nao tento me focar muito no sofrimento da trama,ate porque o livro eh um retrato da vida real.
BOM ESSA É A MINHA OPINIAO....
SEI QUE MUITAS DE VCS NAO VAO CONCORDAR MAIS EU REALMENTE AMEI OS 50 TONS

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
4 de fevereiro de 2013 07:52 delete

Estou no segundo e estou gostando muito, é um livro para relaxar, imaginar, não é uma "obra literária", então estou amando principalmente o romance dos Dois que se amam muito e de uma forma diferente.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
14 de fevereiro de 2013 05:59 delete

to no segundo livro e amando!!! Beijos

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
15 de fevereiro de 2013 17:19 delete

Eu estava gostando muito da leitura, mas por dizer o q contece durante o livro,sacanagem né eu nem comecei a ler o segundo.
(eu estou amando o livro!!!!!!!!!!!!!!!!)

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
25 de fevereiro de 2013 20:06 delete Este comentário foi removido por um administrador do blog.
avatar
Anônimo
AUTHOR
3 de março de 2013 17:22 delete

adorei os livros e estou louca para ver os filmes.
e voces que criticam os livros voces estao loucos para ver nao é.
po mas que se critique voces sempre le os livros e concerteza vao assitir os filmes .

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
3 de março de 2013 17:32 delete

amei o primeiro livro,fiquei viciada não paro de pensar. qro ler todos.ainda não comprei, mas vou comprar.eu qro é entretenimento e não me importo com escrita. se eu quiser ler uma obra literária eu leio.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
21 de março de 2013 12:33 delete

Bem achei muito bom, so o segredo do Sr. Grey que me decepcionou um pouca fora isso a historia foi boa sim, portanto acho a critica sem pe e nem cabeça pq a trilogia tem começo meio e fim, e eu achei maravilhosa a historia pq o amor que o sr grey sente pela ana faz todo o conteudo da historia.
Maravilhoso, amei, mas so quem conhece o amor e quem vai gostar.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
17 de abril de 2013 07:33 delete

Bem a minha opinião e simples e sincera, amei a trilogia todo eu ja le os 03, a escrita não e perfeita mais a historia e bem interessante ate pq os traumas do grey são bem fortes, e a adolescência dele não foi como deve ser. Então quando ele conhece a ana ele se encanta por ela, ai ele começa ver a vida diferente da que ele vivia. A historia e fantastica e emocionante mais so quem sabe e quem conhece o AMOR!!!! bem o segredo do Grey me decepcionou um pouco pq eu achava que fosse uma coisa bem cabeluda, mais deixou a desejar. Mais quando o Sr Grei fala a ana que quer fazer amor em vez de foder com força!!!!! isso ja e tudo de bom.
Eu recomendo ler.

bjosss!!!!!

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
25 de abril de 2013 11:39 delete

se fosse tão ruim como estão dizendo ñ seria um dos livros mais vendidos do mundo.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
13 de maio de 2013 15:34 delete

eu adorei cinquenta tons de cinza,tenho certeza q essa mulher q fala tao mal do livro gostaria de ter um grey na sua vida e na sua cama,pra mim vc é uma frustada,os livros sao perfeitos...

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
8 de junho de 2013 10:01 delete

Estou lendo com minha esposa e ao final de cada leitura, nos deliciamos em sexo....bom demais

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
19 de junho de 2013 09:43 delete

Eu amei os 3 livros, não parava de pensar em ler quando tinha que parar, não parava de pensar na história e li os 3 em menos de 1 semana e meia. Quando a gente está lendo, claro que se cria uma expectativa, assim como eu criei de em 50 tons mais escuros e 50 tons de liberdade o Christian bater mais na Ana, levá-la mais para o quarto vermelho da dor, enfim, ele ter as necessidades dele, mas isso era uma expectativa minha, mas eu não vou falar que o livro é uma bosta porque não aconteceu o que eu achava que aconteceria. Eu entendi que acima de todos os problemas de infância dele há o amor que ele sente pela Ana, que por causa disso ele se dispôs a mudar um hábito, uma coisa que ele fazia desde sempre. Na verdade, eu não acho que o Grey fosse um sádico. Ele na verdade tinha isso psicologicamente. Foi algo que ele colocou na cabeça desde que era criança e assim ficou.
É a minha opinião, o livro é encantador, quem não quer um amor forte e verdadeiro assim? Mesmo que seja com dificuldades, mesmo que tenham que superar traumas e acontecimentos ruins? O amor é capaz de passar por cima de tudo isso.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
25 de novembro de 2013 19:51 delete

Pior livro que li em toda minha vida. Péssimo.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
25 de dezembro de 2013 09:25 delete

Acabei de ler o primeiro livro, não é nada de extraordinário, mas é bom pra quem gosta de distração e usar a imaginação. Esperava cenas mais fortes, que causassem um certo impacto. Mas recomendo! ;)

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
9 de março de 2014 19:59 delete

Sinceramente.. Adorei o livro. Acho que isso é recalque na boa. A pessoa odeia a porra do livro e ta lendo porque?? Dá pra entender? Faz assim, compra o livro da chapelzinho vermelho, quem sabe pra vc será mais interessante. 2bjs

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
14 de março de 2014 13:28 delete

No fundo, no fundo, Christian é capaz de encantar qualquer mulher, a tornar qualquer uma subimissa.

Reply
avatar
29 de abril de 2014 15:40 delete

Oi adorei sua resenha!.. muito obrigado...me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o universo de fundo..abraços. www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?
busca.livrariasaraiva.com.br/saraiva/Reverso
www.buqui.com.br/ebook/reverso-604408.html

Reply
avatar
elisa
AUTHOR
9 de maio de 2014 19:55 delete

Será que sou louca porque o livro cinquenta tons mais escuro a historia é exatamente igual ao cinquenta tons de cinza , será que comprei um livro com defeito? no primeiro livro até filhos tinham e neste ainda nem casamento somente no fim do livro, me ajudem com alguma resposta pois estou perdida agora!!!!

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
3 de dezembro de 2014 14:08 delete

Estou apaixonadissimaaaaa pelo dignissimo Sr. Grey... Livro fascinante. estou no segundo e estou adorando cada pagina que passa.. SUPEEEEER QUE RECOMENDO.. (sim..maiusculas gritantes)
bjs

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
23 de fevereiro de 2015 05:54 delete

acho que vocês criticam demais amei todos os livros,amei o primeiro filme e to ansiosa com o segundo filme,mas enfim cada um com sua opinião,me desculpe pela sinceridade não acho legal criar blog pra resumir livro e depois detona a autora e muito feio

Reply
avatar
2 de março de 2015 18:27 delete

Elisa, no primeiro e no segundo livros eles não tem filhos não (não posso dizer no terceiro por que ainda ainda não li). Acho que você comprou na ordem errada ;)

Reply
avatar
3 de março de 2015 14:50 delete

Ainda não sei o "Segredo" dele! :/
Afinal qual é esse segredo?

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
5 de março de 2015 11:01 delete

Estou assustada com todas essas pessoas que "amam" a história.. Meu Deus, essa mundo está perdido mesmo! (Antes que joguem pedras em mim, eu li o 1º livro e concordo com tudo que a resenha diz. Mas não vou ler os outros nem a pau haha). A ideia sexual do livro parecia ser legal, e apesar do Christian ser podre de rico, lindo e mandar muito bem, quem aguenta um cara tão possessivo, mandão e mimado?? (ah.. esquece. Tenho certeza que pelo dinheiro muito gente aguentaria).. e a Ana?? Nossa, é a personagem mais sonsa de todos os tempos. Chora, diz que nunca mais vai ver, que não quer nada dele.. e é só ele aparecer que ela esquece tudo.. kkkk só rindo, pra não chorar. (e o mais triste é ver o pessoal metendo o pau em você, Karol.. ai ai..). Parabens pela resenha!!

Reply
avatar
Ale
AUTHOR
10 de dezembro de 2015 10:21 delete

Eu ri muito com as histórias, eu acho que isso mostra o grande sucesso na primeira trilogia já havia pego muitas pessoas. Recentemente, vi o filme para a HBO Fifty Shades of Grey com Jamie Dornan e eu tenho que dizer que, como um leitor da trilogia deixou uma boa impressão boca, especialmente por Christian

Reply
avatar
13 de outubro de 2016 15:10 delete

Adorei a trilogia, enredo atual, diferente, emplogante...além de ter todos os tópicos de um bom romance!

Reply
avatar
13 de outubro de 2016 15:11 delete

Adorei a trilogia, enredo atual, diferente, emplogante...além de ter todos os tópicos de um bom romance!

Reply
avatar


Olá, seja bem-vindo!

Pode falar o que quiser do filme, livro ou texto - só peço que tome cuidado para não ofender os outros leitores do blog. Nada contra palavrões mas também não vamos exagerar, ok?

Obrigada!